O Valor de uma Ideia Genial

Você já teve alguma idéia genial?

Mundo: A Farsa do Crescimento Chinês

Parece cena de seriado, as cidades fantasmas que a China levanta para manipular o PIB do país

Luxo: Conheça tudo sobre a casa mais cara dos Estados Unidos

A vida das pessoas mais ricas do mundo estão aqui no blog para você conhecer de perto.

Mc Donalds

A história da maior e melhor rede de fast food do mundo.

Tecnologia

Conheça tudo o que tem de mais inovador no mundo da tecnologia.

Brilhante Laços

Fábrica de laços e acessórios para cães e gatos.

Patrocinadores

Conheça nossos pacotes e promoções para anunciantes, e leve seu negócio para os milhares de leitores do blog.

quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

Há 14 anos líder, Nokia perde posição para Samsung



Quem achava que a Apple, com seu Iphone, fosse a líder em vendas de Celulares (Ou Smartphones) se enganou. Nos últimos 14 anos a Nokia liderou esse mercado com a maior participação entre todas as empresas do mundo, mas nesse ano ela foi superada pela Samsung.

No primeiro semestre deste ano, a Samsung havia ultrapassado a Nokia em número de aparelhos (smartphones e dispositivos comuns) distribuídos pelo mundo. Agora, já no fim de 2012, a fabricante sul-coreana se consolidou, pela primeira vez em 14 anos, na liderança da lista de maiores marcas de celular no ano, deixando a Nokia em segundo lugar.

A Nokia vem passando por uma grande fase de transição, abandonando o Symbian (Java) e adotando o novo sistema Windows Phone. Enquanto a fabricante finlandesa não ganha força no mercado com seus novos smartphones, a Samsung cresce e garante sua popularidade com um bom posicionamento e uma grande variedade de produtos, seu tablet, Samsung Galaxy Tab, contribuiu bastante para torná-la referência mundial em qualidade tecnológica. Assim, a Nokia não conseguiu se sustentar no topo da seleção e acabou quebrando seus 14 anos consecutivos de liderança.

Segundo dados divulgados pela IHS iSuppli, em um ano a participação de mercado da fabricante finlandesa caiu de 30% para 24%, enquanto a Samsung cresceu para 29%. Outras marcas também apareceram na seleção, como RIM, HTC e LG.

O estudo também revelou um grande crescimento na adoção de smartphones no lugar de aparelhos mais básicos. Os smartphones contaram com 47% de todas as entregas de celulares em 2012, um crescimento de 12% em relação ao ano passado. A tendência é que, no próximo ano, eles representem mais da metade de todas as exportações.

Clique para ampliar a imagem.

Fonte: www.isuppli.com/

Vote no prêmio TOP BLOG e concorra a prêmios:




segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

Os 10 piores presentes de Natal



O mercado está aquecido, os preços subiram muitos por estratégia dos comerciantes oportunistas e com isso muita gente pensa em economizar. As vezes o que falta é criatividade mesmo e o presente de Natal acaba não agradando. Por isso, em clima de descontração, resolvi divulgar uma lista dos piores presentes de Natal que encontrei na revista VEJA: 



Roupas Intimas: O pior é que não dá nem para trocar aquela cueca que ficou apertada ou aquele lingerie esquisita. 



Pijama: A não ser que seja para o seu avô de 80 anos, desista. 



Porta-retrato ou quadro: o porta-retrato, com aquela foto que o homenageado nem lembra de ter tirado, será esquecido entre o telefone sem fio e aquela pilha de revistas de 1920. O quadro de arte contemporânea, se não combinar com o gosto do presenteado, terá como destino o fundo do armário 

Repare na diferença pra foto da embalagem.

Panetone: ao dar um panetone de Natal, a pessoa assina um atestado de que não tinha a mínima ideia do que presentear e optou pelo mais fácil.



Vale - alguma coisa: além de saber que quem deu o presente não teve que pensar muito (ou nada) para escolher o mimo, a gente ainda fica sabendo o preço, o que é indelicado. 



Arranjo artificial: ganhar flores é sempre bom. Menos quando fazem parte de um arranjo artificial. As flores são tão falsas quanto a pessoa que as dá. 

Quem não queria um desses?


Tecnologia ultrapassada: se é para dar um gadget, que ele pelo menos seja de última geração. Produtos piratas, então, nem pensar. 

Polêmica?


CD (de banda polêmica): a pessoa deduz – por métodos completamente aleatórios – que o presenteado curte tal banda. Resultado: sorriso amarelo e “obrigado, obrigado, eu adoro esse grupo" 



Meia: ganhar um par é senha de que seus dias de juventude acabaram e a família passou a lhe ver como um veterano, sem grandes ambições. Não tem nada mais sem graça no universo. Quem precisa de meia branca vai à loja e compra, não espera o Natal. 



Produtos de higiene: loção ou cremes já são presentes clichês. Perfume? Só se houver certeza de qual fragrância o presenteado gosta

Vote no prêmio TOP BLOG e concorra a prêmios:




sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

Carrefour encerra vendas online



Foi anunciado na Exame que o grupo Carrefour, no Brasil, encerrou as vendas online, demitindo cerca de 40 funcionários que atuavam no setor.
Não é difícil de entender o porque os supermercados não vingam com vendas pela internet com venda de alimentos, basta observar os costumes das pessoas.

O consumidor brasileiro comprando supermercado que fica perto de sua casa, ou no trajeto do trabalho, do dia-a-dia, pois a grande publicidade das redes de supermercados é justamente estar presente no caminho das pessoas.

Você entra na loja para comprar um pãozinho, vê vários produtos e acaba comprando um refrigerante, frios, fraldas, produtos de limpeza, etc... Ninguem acessa a internet para comprar 1 kg de carne, frutas e legumes.


O Carrefour justificou a decisão, afirmando que vai focar outras áreas de atuação daqui para frente. Um deles é a revitalização das lojas físicas com o conceito de "nova geração", adotado nas unidades de Santo André e São Caetano, em São Paulo. Os supermercados contam com um volume maior de produtos e serviços, em um espaço mais sofisticado.





Vote no prêmio TOP BLOG e concorra a prêmios:




TOP 10 POSTAGENS MAIS LIDAS

Receba nossos artigos por e-mail:

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More