segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

O Ser Humano vivendo no Planeta Marte?

A viida extraterrestre está próxima de ser descoberta, ou melhor, de ser inventada.
Cientistas da NASA já dizem ser possível a habitação de seres humanos no planeta Marte. E se isso acontecer, e algum dia alguem nascer por lá, será o primeiro E.T. de toda a história com a existencia realmente comprovada pela ciência. O primeiro extraterrestre será um ser humano, ou quem sabe um cachorro ou macaco?

O dia marciano dura 24 horas e 40 minutos. Mas o ano é quase o dobro do nosso: tem 687 dias terrestres, de 24 horas cada um. A gravidade é 40% da terrestre. Portanto, quem pesa 60 quilos aqui, lá pesará 24. A temperatura média é de menos 63 graus Celsius.


Esse video que passou ontem no Fantástico da Rede Globo foi muito legal, mostra uma simulação de como seria a vida no Plante Marte.

Água em Marte?

A questão sobre a existência da água em Marte é fundamental por vários motivos:

•os exploradores de Marte necessitarão de uma fonte de água
•qualquer vida em Marte, seja no passado ou no presente, precisa de água
•a possível criação de um habitat terráqueo e a colonização de Marte necessitarão de água

Existe evidência de que existiu água em Marte e pode ainda existir. Foi detectada água na atmosfera e abaixo das calotas de gelo polares. Da órbita foi possível ver características geológicas que parecem ser desfiladeiros de rio e erosão de água. Na Terra, a chuva que flui por uma camada de cinzas de um vulcão formou o leito, o canal e a plataforma que pode ser vista abaixo. Características similares foram vistas nas ravinas em Marte.
Foto cedida pela NASA/JPL/ Malin Space Science
Ravinas em Marte (esquerda) e ravinas na Terra (direita)

Além disso, devido ao frio intenso na superfície de Marte talvez existam grandes depósitos de água na forma de uma camada de solo congelado sob sua superfície. Se é possível ver este tipo de camada de solo congelada nas latitudes polares da Terra, então o mesmo pode ser verdade em Marte. Explorações robóticas futuras de Marte poderão fornecer estas respostas.


Quando os cientistas desejam estudar a possibilidade de vida em Marte, eles vão a um lugar mais próximo do que você imagina. A oeste da Cordilheira dos Andes, na América do Sul, há 20 milhões de anos reina o Deserto do Atacama. O deserto do Atacama é Marte em nosso quintal. Ele é considerado por cientistas e pesquisadores geográficos como o deserto mais árido do mundo. Praticamente não chove nesta planalto, e sua singular sombra pluviométrica constitui uma característica geográfica que bloqueia a passagem da chuva. Esta sombra produz sistemas meteorológicos do outro lado da cordilheira, privando a região de precipitações normais.
Este planalto desértico se estende por mais de 966 km, enquanto o Atacama ocupa 181.300 quilômetros quadrados do norte do Chile. Esta massa de terra tem atraído cientistas interessados em realizar experimentos que imitem as condições da superfície de Marte. Camadas e mais camadas de sedimentos rochosos recobrem esta área do deserto. Não há sinais de vida. Até mesmo os extremófilos, organismos conhecidos por sobreviver às condições mais inóspitas, como respiradouros termais e fontes hidrotermais, nunca foram detectados. São exatamente estas condições severas e a ausência de vida que atraem os cientistas. Seus experimentos podem revelar o que aconteceu a Marte aqui na Terra por meios das semelhanças entre estes dois terrenos tão distantes, mas estreitamente relacionados.


10 Comentários:

Responder

Olá, tudo bem?

E sou Ricardo Rosa, sou responsável pela Produção online do Programa Avesso ( www.avesso.com.br ). Onde você fica por dentro dos bastidores das ações de comunicação das principais marcas no Brasil.

Fiz uma visita aqui no blog e queria dizer que o trabalho que vem desenvolvendo é ótimo e está de parabéns!!!

Nós desenvolvemos parcerias com blogs de diversas áreas, como: comunicação, moda, design, sustentabilidade, esportes entre outros. Gostaríamos muito de ter você como parceiro do Programa Avesso.

Se houver intresse, acesse o nosso site www.avesso.com.br , e assista aos nossos programas.

Aguardo seu retorno!

Um grande abraço.


Ricardo Rosa
ricardo@avessotv.com.br
Tel. (11) 3578-0777
____________________
www.avesso.com.br
www.meadiciona.com.br/avessotv

Responder

muito interessante, acredito que com um longo processo de adaptação, o homem pode morar lá. Mas eu acredito que existe vida lá, bem como em outros planetas, mas não seres coloridos como em filmes; mas simplesmente seres que se adaptaram lá igual nós nos adaptamos aqui

Responder

E iria :D com minha namorada e com uma garrafa de bebida KKK

Acessem: www.sempapo.com.br

Responder

Gostei muito do seu blog.
Acho que ter um blog significa ter um espaço para dividir com pessoas de todo lugar do mundo, coisas que gostamos, pelas quais nos apaixonamos, aquilo que move nossa alma e nosso coração. Você faz isso muito bem.
Parabéns!

http://sabordaletra.blogspot.com/

Responder

Diogo, eu não creio que há vida lá, não há nenhum indício disso.
Mas em outros planetas de outras galáxias, ai acretido que há sim uma forma de vida. Não-Inteligente.

Responder

Sr. Sem Papo: Acho melhor você ir pra uma praia nessas condições né?? hehehe.
Valeu pelo comentário.

Responder

Ricardo Rosa: entrarei em contato por e-mail.

Responder

Stivie Sena: É questão de tempo.. ;)

Responder

Seria muito louco, mas medo disso kkk

Postar um comentário

Um bom blog não se faz pela quantidade e sim qualidade de seus leitores, só comente quando você realmente ler a postagem.

Deixe seu link no final do comentário caso queira me mostrar o seu blog, irei visitar, comentar e se gostar seguirei também.

Siga-me no Twitter: @c_hercules

TOP 10 POSTAGENS MAIS LIDAS

Receba nossos artigos por e-mail:

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More