quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Avião-Conceito da UFMG bate 4º recorde mundial.

O avião CEA 308 bateu o quarto recorde mundial nesta quinta-feira (2), desta vez na modalidade “velocidade da aeronave em três quilômetros”. Projetado no Centro de Estudos Aeronáuticos do departamento de Engenharia Mecânica da UFMG, o avião atingiu, de acordo com a universidade, a marca de 360 km/h. O recorde anterior, de 2002 era de uma aeronave austríaca, 351 km/h.

O CEA 308 já havia quebrado outras três marcas na quarta-feira (1º): velocidade em 15 e em 100 quilômetros e tempo de subida até três mil metros. De acordo com a UFMG, em 15 quilômetros o avião alcançou 329 km/h. O antigo recorde era de 292 km/h. Em 100 quilômetros, o modelo chegou a 326 km/h; a marca anterior era de 297 km/h. A aeronave demorou cerca de 10 minutos para atingir três mil metros de altura. Aproximadamente três minutos a menos que o melhor tempo registrado antes.

Todas as marcas foram atingidas no Aeroporto Regional da Zona da Mata, próximo a Juiz de Fora. O brasileiro Gunar Armin pilotou o avião. Segundo o professor de Engenharia Aeronáutica da UFMG Paulo Iscold, “nunca no Brasil havia sido quebrado um recorde mundial em aeronaves motorizadas”.

Dois representantes da Federação Aeronáutica Internacional (FAI) foram responsáveis por julgar a demonstração, segundo a UFMG. Um deles é oficial da National Aeronautic Association (NAA), nos Estados Unidos. O outro pertence à Comissão Aerodesportiva Brasileira (CAB), de acordo com a universidade.

A universidade já produziu 10 aviões-conceito destinados à quebra de recordes. Segundo a UFMG, a instituição é a única no Brasil a projetar e construir esse tipo de aeronave.

0 Comentários:

Postar um comentário

Um bom blog não se faz pela quantidade e sim qualidade de seus leitores, só comente quando você realmente ler a postagem.

Deixe seu link no final do comentário caso queira me mostrar o seu blog, irei visitar, comentar e se gostar seguirei também.

Siga-me no Twitter: @c_hercules

TOP 10 POSTAGENS MAIS LIDAS

Receba nossos artigos por e-mail:

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More