terça-feira, 16 de novembro de 2010

Empresário de origem americana fabrica e exporta sandálias que são a cara do Brasil

Quando desembarcou no Brasil, há sete anos, tudo que o americano Zachary Mazur queria era viver uma aventura exótica em um país distante. Depois de se apaixonar pelo Rio de Janeiro, decidiu abrir uma empresa que exportasse calçados nacionais para o exterior. Ao lado de Shenzi Chua, empresário de Cingapura, fundou a Braziliano Praia, que fabrica e exporta sandálias com sola de borracha. no ano passado, faturou US$ 1 milhão. Para 2010, o crescimento deve ser de 30%
''Foi em 2003 que decidi vir ao Brasil. Desde os ataques terroristas de 2001, a vida andava difícil em Nova York. Na época, a música brasileira era muito popular por lá, e o Brasil tinha uma aura exótica. Como eu estudava espanhol, língua muito semelhante ao português, achei que morar por seis meses no Rio de Janeiro seria uma bela aventura. Acabei me apaixonando pelo país e resolvi fundar uma empresa para exportar sandálias, utilizando serviços da FedEx. Um dos meus clientes era Shenzi Chua, empresário de Cingapura que atuava no Brasil. Ele me propôs abrir um outro negócio para produção e venda de calçados - Shenzi desenharia os modelos. Em 2007, fundamos a Braziliano Praia. Atualmente, temos quatro tipos de sandálias, com preços entre US$ 18 e US$ 40. Produzimos em média 10 mil pares por mês, e exportamos para sete países. Nossa próxima meta é entrar no mercado chinês. No ano passado, faturamos US$ 1 milhão, e a estimativa de crescimento para este ano é de 25% a 30%."

0 Comentários:

Postar um comentário

Um bom blog não se faz pela quantidade e sim qualidade de seus leitores, só comente quando você realmente ler a postagem.

Deixe seu link no final do comentário caso queira me mostrar o seu blog, irei visitar, comentar e se gostar seguirei também.

Siga-me no Twitter: @c_hercules

TOP 10 POSTAGENS MAIS LIDAS

Receba nossos artigos por e-mail:

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More