sábado, 6 de junho de 2009

Mercado de Seguros contra Acidentes Aéreos : Airbus A 330

Entenda como funciona o mercado de seguros contra acidentes aéreos Empresas fazem apólices tanto para a aeronave quanto para as vítimas. No Brasil, governo exige 'seguro obrigatório', de liberação mais rápida.





O mercado de seguros para empresas de transporte aéreo de passageiros está, segundo especialistas, entre os que envolvem as maiores quantias para indenizações.


A liberação dos valores das apólices geralmente envolve um “pool” de empresas, responsáveis por diferentes coberturas, fator que pode tornar o processo de indenização mais lento.


De acordo com Gustavo Cunha Mello, professor da Escola Nacional de Seguros e especialista no setor aeronáutico, no caso de vítimas fatais de acidentes aéreos, a indenização geralmente é calculada com base na renda e na expectativa de vida do passageiro. Portanto, quanto maior a renda em vida, maior será o seguro a ser recebido pela família da vítima.

Existe, entretanto, um valor-limite internacional, atualmente pouco abaixo de US$ 400 mil por passageiro, definido pela Convenção de Varsóvia, da qual o Brasil é signatário.


Geralmente, segundo Mello, os acordos oferecidos pelas companhias aéreas se baseiam nesse valor. Associações de vítimas de acidentes aéreos do país dizem, porém, que é possível conseguir indenizações superiores na Justiça.

Para o professor, o recebimento de uma indenização vai ter que passar necessariamente pela Justiça – no caso do acidente da Air France, esse processo deve incluir ações também ações em tribunais franceses.


“Se aceitar o acordo, a família não precisa entrar na Justiça, mas esse acordo terá de ser celebrado na Justiça, na frente de um juiz”, explica o especialista.

0 Comentários:

Postar um comentário

Um bom blog não se faz pela quantidade e sim qualidade de seus leitores, só comente quando você realmente ler a postagem.

Deixe seu link no final do comentário caso queira me mostrar o seu blog, irei visitar, comentar e se gostar seguirei também.

Siga-me no Twitter: @c_hercules

TOP 10 POSTAGENS MAIS LIDAS

Receba nossos artigos por e-mail:

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More